terça-feira, 18 de fevereiro de 2014

Acaso ou força do pensamento?

Num curso de redação que fiz no início do ano passado, conheci uma boliviana super simpática que tinha interesse em melhorar o português. Ela mora na Alemanha há 5 anos, eu acho.

Nós saímos uma vez, e uma segunda vez que tínhamos marcado, ela precisou desmarcar. De lá para cá nunca mais nos falamos.

Semana passada lembrei dela e pensei em escrever um email, convidando-a para sair. Pensamentos vão e vêm, né? Esqueci.

Eis que ontem estava indo para o centro de metrô e quem senta exatamente ao meu lado? A própria.

Eu fiquei olhando pra ela, sorrindo, esperando ela me notar, eu percebi que quanto mais eu olhava, mais incomodada ela ficava, até que decidiu olhar pra mim e deu um grito. Sou dessas.

Conversamos, trocamos rapidamente algumas novidades e prometi que ia mandar um email para ela. Já mandei, antes que perguntem. Dessa vez, eu não iria deixar o acaso passar despercebido.

Ou será que foi a força do meu pensamento?

Um Jedi eu sou.

18 comentários:

  1. putz, vire e mexe e isso me acontece. às vezes é bom, outras.. hehe

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. se fosse outra pessoa, eu fingiria que nao reconheci. sou dessas. hahahaha

      Excluir
  2. Rs... Tão engraçado quando isso acontece, né? Sempre nos espantamos e nos perguntamos que força é essa? Vai saber...
    Bjks!

    ResponderExcluir
  3. É, tá poderosa vc, hein? Aproveita esta força bem! rs Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vou pensar em vc, aí vc vem aqui me visitar! hehe

      Excluir
  4. Pensa em alguns numeros pra eu jogar na loteria??? : P
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aí vc divide o prêmio comigo, ne? rsrs
      Bjs!

      Excluir
  5. Eita nóis... que força de pensamento é essa mulher! Tá com tudo, hein? :-)

    ResponderExcluir
  6. Eu sou dessas que acredita na força do pensamento, sabe? hehe...há mais coisas entre o céu e a terra do que supõe nossa vã filosofia :) beijos

    ResponderExcluir
  7. Adoro esses encontros! Quem sabe rende uma grande amizade? Beijos

    ResponderExcluir
  8. Eve,
    Há quem diga que os acasos não existem e que nós temos a possibilidade, apesar de o ignorar, de prever os eventos ligeiramente em avanço… é como o sentimento de "déjà vu" que alguns explicam pela existência de "premonições" alguns segundos antes do evento…
    Neste caso, ainda bem que se reencontraram!
    Agora, importa não deixar passar a ocasião :)
    Abraços!

    ResponderExcluir
  9. AUauahuaha sou dessas... a agenda tá apertada aí ou vcs realmente estão com tanta preguiça de contatar uma a outra? rs

    Kisu!

    ResponderExcluir

Após o término da ligação, continue na linha. A sua opinião é muito importante para nós! =P